terça-feira, 11 de dezembro de 2018

Policial rodoviário federal é escalado por Casagrande para comandar a secretaria responsável pelo combate à corrupção no Espírito Santo

O policial rodoviário federal e ex-coordenador da Transparência Capixaba, Edmar Camata, foi anunciado na tarde desta terça-feira (11/12) o futuro secretário de Estado de Controle e Transparência. O anúncio foi feito pelo governador eleito Renato Casagrande (PSB), em uma transmissão ao vivo pelo Facebook. Pela manhã, Casagrande já havia anunciado também o nome da economista Eduarda La Rocque como diretora Técnica do Instituto Jones Santos Neves. Ela vai trabalhar ao lado do futuro presidente do Instituto, Luiz Paulo Vellozo Lucas.

JUSTIÇA DIVULGA DADOS SOBRE REINCIDÊNCIA JUVENIL EM MINAS: Pesquisa inédita aponta que 30,1% dos adolescentes voltaram a cometer crimes

Pesquisa inédita coordenada pelo sociólogo e secretário Adjunto de Segurança Pública do Estado de Minas Gerais no período de janeiro de 2003 a junho de 2007, Luís Flávio Sapori, revela que 30,1% dos adolescentes que cumpriram as medidas socioeducativas de semiliberdade e internação em solo mineiro voltaram a cometer atos infracionais, ou crimes, já na vida adulta. O percentual é menor do que a taxa de reincidência entre adultos criminosos no Brasil, que é de 51%.

segunda-feira, 10 de dezembro de 2018

ENTRE OS INDICIADOS ESTÃO CINCO AGENTES DE TRÂNSITO: CPI indicia nove pessoas pela acusação de integrar a Máfia dos Guinchos

Em relatório de 33 páginas, a Comissão Parlamentar de Inquérito destinada a apurar a Máfia dos Guinchos (CPI dos Guinchos) no Espírito Santo, presidida pelo deputado estadual Enivaldo dos Anjos (PSD), indiciou nove pessoas por participação no conluio entre empresários, empresas e agentes públicos num esquema fraudulento que extorquia motoristas e proprietários de veículos no Estado. Pelo menos cinco agentes de trânsito de Vitória estão entre os indiciados.

Sindipol/ES lança campanha de doação de livros para policiais civis da Alfa 10

O Sindicato dos Policiais Civis do Espírito Santo (Sindipol/ES) lançou uma campanha para doação de livros aos policiais civis recolhidos na Alfa 10 – Delegacia de Polícia onde ficam policiais civis presos acusados de crime. A iniciativa faz parte do projeto “Hora de Sair e Voar”, do Ministério Público Estadual, e tem o objetivo de proporcionar mais conhecimento aos apenados que, ao participarem do projeto, podem ter remissão dos dias de pena.

sexta-feira, 7 de dezembro de 2018

Justiça capixaba manda filho de Bolsonaro retirar do Twitter notícia falsa contra senador eleito Marcos Do Val

O juiz Maurício Camatta Rangel, da 4ª Vara Cível de Vitória, determinou ao vereador Carlos Bolsonaro (PSL/Rio) a retirar postagem de seu perfil no Twitter em que ele informa de maneira mentirosa a existência de um mandado de prisão contra o senador eleito pelo Espírito Santo e instrutor do CATI, Marcos Do Val (PPS). O magistrado dá prazo de 24 horas para que Carlos, filho do presidente eleito Jair Bolsonaro (PDSL), cumpra a determinação, sob pena de incidência de multa diária de R$ 1.000,00, limitada a R$ 50 mil.

Sindipol diz que criação de delegacias sem efetivo policial engana a população e deixa impunes assaltos a ônibus e roubos contra comércio no Espírito Santo

Dia 26 de outubro de 2018. Após uma onda de arrombamentos ao comércio na Grande Vitória, o governador Paulo Hartung assinou, na Residência Oficial da Praia da Costa, em Vila Velha, o decreto que cria a Delegacia Especializada em Crimes Contra Estabelecimentos Comerciais.

quinta-feira, 6 de dezembro de 2018

Justiça acolhe denúncia do Ministério Público e afasta do cargo secretário de Transporte de Fundão

A juíza Priscila de Castro Murad acaba de afastar do cargo o secretário Municipal de Transportes de Fundão (município da Grande Vitória), Ari Lima de Souza. Ao mesmo tempo, a magistrada acolheu denúncia proposta pelo Ministério Público do Estado do Espírito Santo, que acusa Ari de Souza de falsidade ideológica. A denúncia do MPES foi protocolada na terça-feira (04/12) no Fórum de Fundão e a decisão pelo afastado tomada na manhã desta quinta-feira (06/12).

Assessor escalado por Amaro Neto para negociar extorsão diz que PM insinuou querer R$ 5 milhões por vídeo íntimo e cita suposta ameaça a deputado

O Auto de Prisão em Flagrante número  0037913716.18.11.0001.21.078 – BU nº 3791316, produzido pelo delegado Brenno Andrade de Souza Silva, da Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes Eletrônicos, traz também depoimento do assessor parlamentar Elder Correa Sena, que trabalha no Gabinete do deputado estadual Amaro Neto (PRB), apresentador do programa policial Balanço Geral (TV Vitória).
 

Blog do Elimar Côrtes Copyright © 2011 -- Template created by O Pregador -- Powered by Blogger