Estatísticas que não valem nada

Ao mostrar que Linhares e Serra estão entre os 10 municípios mais violentos para jovens no País o Fórum Brasileiro de Segurança Pública, de São Paulo, pode até estar revelando alguma verdade.
Ao informar que Vitória ocupa a 107ª entre os 266 municípios pesquisados o Fórum Brasileiro de Segurança Pública está colocando em xeque outras pesquisas elaboradas também por encomenda do Ministério da Justiça – assim como foi a divulgada nesta terça-feira (24/11).
Há 10 anos, Vitória foi apresentada como a capital mais perigosa para jovem no País, de acordo com pesquisa feita pelo Ministério da Justiça com base em números apresentados pelos SUS (Sistema Único de Saúde), que registrava o número de óbito por violência.
Naquela ocasião, este blogueiro (como editor de Polícia de A Tribuna) já duvidava desses dados. Motivo simples: o SUS fazia a pesquisa no chamado DML (Departamento Médico Legal). Toda vítima de morte violenta levada para o DML de Vitória era registrada como se tivesse sido assassinada na capital, mesmo que o corpo viesse da Serra, Vila Velha, Cariacica, Viana, Guarapari, Fundão, Aracruz e outros municípios que sempre dependiam (e ainda dependem) do DML da capital.
Outras pesquisas foram feitas e nossa capital sempre era apontada como uma das mais violentas. O chato é que nossas autoridades (políticos ou secretários da Segurança), sejam os prefeitos da capital ou nossos governadores, nunca tiveram a coragem de duvidar das estatísticas.
Aliás, só uma vez o ex-prefeito de Vitória Luiz Paulo Velloso Lucas – hoje deputado federal pelo PSDB – duvidou da pesquisa, lembrando, ao ser entrevistado por este blogueiro, que era para o DML de Vitória que vinham as vítimas de mortes violentas na Grande Vitória e do seu entorno. Falou uma vez só e depois ninguém nunca disse mais nada.
Tudo isso para dizer que mais uma pesquisa sobre violência está sendo mostrada em todo o Brasil e novamente nosso Estado fica na pior. Será que dá para acreditar que Vitória, em 10 anos, passou do primeiro lugar para a 107ª posição? Há algo errado.
Nesta última pesquisa, ao todo, 266 municípios com mais de 100 mil habitantes foram analisados e taxados segundo o Índice de Vulnerabilidade Juvenil à Violência (IVJ-Violência).
Linhares, em nono lugar, e Serra, em décimo, tiveram vulnerabilidade considerada "muito alta". Cariacica, em 16º lugar, e São Mateus, em 26º, aparecem no levantamento com vulnerabilidade "alta".
Abaixo, a tabela da pesquisa divulgada pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública.

Divulgação
 

Blog do Elimar Côrtes Copyright © 2011 -- Template created by O Pregador -- Powered by Blogger