Texto corrigido: Estudo mostra como vão ficar os salários na Polícia Militar e no Corpo de Bombeiros

Estudo realizado por uma comissão formada pelo governo do Estado mostra como vão ficar os salários dos policiais militares e dos bombeiros militares do Espírito Santo. O estudo será agora encaminhado ao governador Renato Casagrande (PSB), para aprovação.

O salário de um soldado, que hoje em final de carreira é de R$ 2.924,75, passará para R$ 3.596,96. Já um coronel em final de carreira, que recebe R$ 14.536,19, vai ganhar R$ 18.041,41. Os salários valem para a Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros e as novas propostas foram feitas com base na referência 17 do quadro de salários das duas corporações e sem as escalas especiais.

O estudo para os novos salários foi realizado por uma comissão coordenada pelo comandante do Corpo de Bombeiros, coronel Fronzio Calheira. O Blog do Elimar teve acesso exclusivo ao estudo, que foi concluído esta semana e já entregue ao secretário de Estado da Segurança Pública e Defesa Social, Henrique Herkenhoff. O secretário encaminhará o esboço para o governador Casagrande.

Tabela com novos salários:

Coronel: R$ 18.041,41
Tenente-coronel: R$ 16.107,05
Major: R$ 14.657,11
Capitão: R$ 12.725,64
1º Tenente: R$ 9.988,48
2º Tenente: 8.340,29
Aspirante: 7.576,71
Subtenente: R$ 6.592,37
1° Sargento: 5.889,05
2° Sargento: 5.333,59
3º Sargento: 4.538,83
Cabo: R$ 4.365,64
Soldado: 3.596,96

Os autores do estudo explicam que aos valores novos não foi aplicado o índice da correção referente ao ano-base de 2011. Segundo o estudo, os índices citados foram aplicados sobre a base de referência 17 de cada posto ou graduação, utilizando-se dois índices percentuais de defasagem.

Essa metodologia foi assim aplicada baseando-se na irredutibilidade de vencimentos para àqueles que estão em uma referência próxima a citada ou acima da referência 1, por força de norma constitucional consoante a inconstitucionalidade do escalonamento horizontal.
 

Blog do Elimar Côrtes Copyright © 2011 -- Template created by O Pregador -- Powered by Blogger