Posse do novo comandante geral da Polícia Militar é marcada por emoção e apoio total do Alto Escalão da PM, do governo e da sociedade


O coronel Edmilson dos Santos tomou posse, na noite desta sexta-feira (17/05), como novo comandante geral da Polícia Militar do Estado do Espírito Santo, numa cerimônia bastante concorrida e marcada por forte emoção. Todo Alto Escalão do Comando Geral da PMES – formada por coronéis – e oficiais de alta patente participaram da solenidade de posse, numa demonstração de unidade dentro da corporação.

Presentes também dirigentes de entidades de classe dos policias militares, que garantiram total apoio ao novo comandante geral da Polícia Militar capixaba; o governador Renato Casagrande; secretários de Estado; oficiais do Comando Militar do Leste, do 38º Batalhão de Infantaria e da Marinha; o superintendente Regional da Polícia Federal, delegado  Erivelton Leão de Oliveira; o chefe de Polícia Civil, delegado Joel Lyrio Júnior; além de representantes do Judiciário, Ministério Público Estadual, prefeituras e da sociedade civil organizada.

O coronel Edmilson assumiu no lugar do coronel Ronalt Willian, que vai continuar na ativa, atuando, porém, como Assessor Especial na Secretaria de Estado da Segurança Pública e Defesa Social. Seguindo as tradições militares, somente o comandante que saiu fez discurso – além do governador Renato Casagrande. Nesse sentido, o coronel Ronalt Willian destacou o que foi feito durante um ano e sete meses em que ficou à frente da mais antiga instituição capixaba. Em seu discurso, Ronalt Willian falou de ética, legalidade, honestidade e comprometimento institucional:

"Desde que entrei na Polícia Militar, em 8 de fevereiro de 1985, prometi regular minha conduta pelos preceitos profissionais. A cada decisão que tomava, eu me perguntava: 'Ela é legal?' A partir do momento que sabia que a decisão era legal, eu me perguntava: 'Ela é  moral?' Fui disciplinado durante todo esse tempo; dediquei-me integralmente à Polícia Militar e à população capixaba. Assumi, desde que ingressei na PMES, o comprometimento institucional", assegurou o ex-comandante.

Mais adiante, o coronel Ronalt Willian ressaltou as conquistas da PM sob seu comando, enaltecendo, sobretudo, a decisão do governador  Renato Casagrande de garantir o resgate  da figura do comandante geral da Polícia Militar que, em governos anteriores, foi deixada de lado.

Para o coronel Edmilson dos Santos, que assumiu o Comando Geral, foram momentos de grandes emoções. Sua família estava presente à cerimônia. Ele garantiu que continuará dando sua vida em prol da sociedade capixaba e dedicando-se integralmente à corporação:

"A sociedade pode ter certeza que terá um comandante preocupado cada vez mais em melhorar a segurança de toda coletividade", afirmou o coronel Edmilson.

O governador Renato Casagrande e o secretário de Estado da Segurança Pública e Defesa Social, André Garcia, além de diversas outras autoridades – como o desembargador Telêmaco Antunes de Abreu Filho e o procurador geral de Justiça do Estado, Éder Pontes – prestigiaram a posse do novo comandante geral da PM e levaram seu apoio ao coronel Edmilson dos Santos. Casagrande deixou o seguinte recado para o coronel Edmilson:

"Todo comandante da PM tem que se envolver com a comunidade; precisa ter diálogo; se envolver com as famílias. Enfim, tem que comandar a polícia como se estivesse comandando sua própria família. Temos que dar segurança às famílias do Espírito Santo".

 

Blog do Elimar Côrtes Copyright © 2011 -- Template created by O Pregador -- Powered by Blogger