Texto atualizado: Rodney Miranda tenta emplacar delegado Júlio César na Chefia ou no Conselho de Polícia Civil

O chefe de Polícia Civil, delegado Joel Lyrio Júnior, que abra os olhos. O ex-secretário de Estado da Segurança Pública e Defesa Social e  atual prefeito de Vila Velha, o delegado federal licenciado Rodney Rocha Miranda, acha que continua dando as cartas no governo do Estado. Ele vem tentando – por enquanto sem êxito  – recolocar o delegado Júlio César Oliveira da Silva no comando da Polícia Civil.


Na primeira tentativa, não conseguiu. Seu pedido teria sido rechaçado pelo atual secretário da Segurança Pública, André Garcia, que foi subsecretário de Rodney Miranda e seu sucessor, no final do governo Paulo Hartung – quando Rodney deixou a Pasta para se candidatar a deputado estadual. Garcia, entretanto, nega (veja nota abaixo) que tivesse recebido qualquer pedido no sentido de colocar Júlio César Oliveira na chefia da Polícia. Rodney estaria usando outras autoridades, como deputados, para tornar seu aliado novamente chefe de Polícia.

Como não conseguiu emplacar o nome de Júlio César Oliveira na chefia, Rodney Miranda tenta fazer, por intermédio de outras autoridades, com que o delegado volte a integrar o Conselho Especial de Polícia Civil. Para isso, Júlio César – que não é bem visto pelos atuais membros do Conselho – teria que assumir uma das superintendências da instituição.

No início do governo de Renato Casagrande, tão logo perdeu o cargo de chefe de Polícia Civil, Júlio César Oliveira foi transferido  para o Departamento de Polícia Judiciária de Viana. Quando Rodney Miranda se tornou prefeito de Vila Velha, ele “subiu” de novo. Saiu de Viana e foi para o DPJ de Vila Velha. Está mais próximo de seu antigo chefe.

Rodney Miranda, todavia, não vai sossegar enquanto não colocar na Chefia de Polícia Civil “alguém de sua confiança”, conforme informou ao Blog do Elimar Côrtes uma fonte do Palácio Anchieta. Segundo a mesma fonte, ele vem pressionando o deputado estadual Gilsinho Lopes, que também é delegado licenciado, a pedir ao governador Renato Casagrande que troque o comando da instituição. De preferência, colocando Júlio César Oliveira na Chefia ou no Conselho Especial.

Segundo fontes do Palácio Anchieta, a sorte da sociedade e da polícia é que o atual secretário da Segurança, André Garcia, reprova a conduta e atitudes de Júlio César Oliveira, tanto no aspecto profissional quanto pessoal, e entende que ele não representa a seriedade com que Renato Casgrande vem imprimindo nas instituições policiais do Estado.

O delegado Júlio César Oliveira protagonizou uma das piores administrações de todo os tempos na Polícia Civil. Conseguiu desagradar a maioria dos delegados e demais profissionais da instituição. Brigou – ficando sem conversar, inclusive, até hoje – com os delegados que eram até então seus amigos pessoais.

Em nota, Secretário nega que nome de delegado tenha sido "ventilado" para responder pela chefia da Polícia Civil


Em nota encaminhado a este Blog pela Assessoria de Comunicação da Sesp, o secretário André Garcia nega que o nome do delegado Júlio César Oliveira tenha sido "ventilado" para assumir o cargo que hoje é ocupado pelo delegado Joel Lyrio Júnior.

"A Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social, na figura de seu secretário de Estado, André Garcia, nega a informação de que o nome do delegado Júlio César Oliveira tenha sido ventilado para ocupar a chefia da Polícia Civil ou qualquer outro cargo dentro da instituição".

 

Blog do Elimar Côrtes Copyright © 2011 -- Template created by O Pregador -- Powered by Blogger