José Esmeraldo também defende melhoria salarial para os delegados de Polícia

Integrante da Comissão de Segurança da Assembleia Legislativa e membro da ala governista da Assembleia Legislativa, o deputado estadual José Esmeraldo (PMDB) defendeu nesta segunda-feira (24/02) melhoria salarial para os delegados de Polícia Civil do Espírito Santo:

“Entendemos que o salário pago a um delegado de Polícia hoje em nosso Estado é pífio se levarmos em consideração a responsabilidade e competência desses profissionais, que se dedicam anos e anos aos estudos, além de se submeterem a rígido concurso público para conseguir uma vaga no setor público. Eles (delegados) são a porta do sistema de Justiça. Tenho certeza que o governador Renato Casagrande, que é um homem inteligente, saberá reconhecer o pleito dos delegados. Aliás, o governador já reconheceu a importância dos senhores, ao enviar à Assembleia Legislativa, no ano passado, projeto de lei que tornou o  delegado de Polícia como carreira jurídica”, disse o deputado José Esmeraldo.

O parlamentar enalteceu ainda a presença dos cerca de 130 delegados nas dependências da Assembleia Legislativa nesta segunda-feira. José Esmeraldo fez elogios à atual diretoria do Sindicato dos Delegados de Polícia Civil do Estado do Espírito Santo (Sindelpo) e parabenizou o ex-presidente Sérgio do Nascimento Lucas, pela gestão da entidade:

“O doutor Sérgio Lucas, ex-presidente, está de parabéns pela gestão que desenvolveu no Sindicato. Assim como parabenizo também o doutor Rodolfo Laterza, que é um profissional inteligente, competente e honesto”, afirmou José Esmeraldo, que, ao final de sua fala, na sessão da Comissão de Segurança, disparou:

“O trabalho que os delegados de Polícia realizam no Espírito Santo, que é um Estado com graves problemas na área de segurança, é para guerreiros. São homens e mulheres guerreiros que trabalham em prol da população. Por isso, não vamos sossegar enquanto não obtivermos melhores salários para os delegados de Polícia”, garantiu José Esmeraldo.

O salário inicial de um delegado de Polícia no Espírito Santo é de R$ 8.402,29. Já é o pior do País. O presidente do Sindicato dos Delegados de Polícia Civil de São Paulo, George Melão, a categoria não recebe reajuste desde o ano de 2006. “Dá uma tristeza muito grande em saber que um profissional como esse, responsável em combater a violência e promover a paz em todo o Estado, está sendo tão desvalorizado”.

O presidente da Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa, deputado Gilsinho Lopes, disse que as necessidades enfrentadas pela categoria já foram apresentadas ao governador Renato Casagrande. Segundo ele, Casagrande informou que o aumento não poderá ser concedido este ano, mas em 2015. O presidente reforçou ainda que há uma necessidade de que o governador envie o projeto de aumento salarial para ser votado pelos deputados ainda este ano.

 

Blog do Elimar Côrtes Copyright © 2011 -- Template created by O Pregador -- Powered by Blogger