Delegado Guilherme Pacífico está de volta à Subsecretaria de Integração Institucional da Segurança Pública do Espírito Santo

O delegado capixaba Guilherme Pacífico da Silva, que trabalha na Polícia Civil do Rio Grande do Sul, está de volta ao Espírito Santo. Assume novamente a Subsecretaria de Integração Institucional da Segurança Pública e Defesa Social. Entra no lugar do coronel BM  Fronzio Calheira Mota.

Pacífico tem uma honrosa missão: ajudar o secretário André Garcia a promover mais ainda a integração e unificação das Polícias Civil e Militar, sobretudo no âmbito operacional, visando o combate à violência e a criminalidade.

A nomeação de Guilherme Pacífico foi publicada no Diário Oficial do Estado de quarta-feira (21/05). Capixaba de Cachoeiro de Itapemirim, Pacífico é delegado de Polícia há 15 anos no Rio Grande do Sul. Foi tenente do Exército e é formado em Direito com extensão universitária em Gestão da Segurança Pública pela UFRGS/Asdep.

Ele comandou a 2ª Divisão Regional Metropolitana da Polícia Civil gaúcha, responsável por Canoas e municípios da Grande Porto Alegre. Pacífico foi um dos responsáveis por  numa das mais bem sucedidas operações já realizadas pelas polícias gaúchas: a Cova Rasa, de 2009, que resultou na prisão de mais de 40 pessoas envolvidas em assassinatos motivados pelo tráfico de drogas em Canoas.

O delegado Guilherme Pacífico já chegou a ser subsecretário da Segurança Pública no Espírito Santo, a convite do governador Renato Casagrande. É defensor da instalação de sensores de tiros na Grande Vitória, para que a polícia possa identificar, em tempo real, ocorrência de tiroteios. Quando esteve na Sesp, chegou a apresentar plano para a compra dos sensores, mas o projeto não foi adiante.

 

Blog do Elimar Côrtes Copyright © 2011 -- Template created by O Pregador -- Powered by Blogger