Política de integração entre as polícias adotada por André Garcia derruba mais uma vez os números de homicídios no Espírito Santo

A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (Sesp) realizou, na manhã desta quinta-feira (02/06), uma coletiva de imprensa para apresentar os dados do primeiro semestre de 2015. Na ocasião estiveram presentes o secretário André Garcia; a delegada chefe de Polícia Civil, Gracimeri Gaviorno; o comandante geral da Polícia Militar, coronel Marcos Antônio Souza do Nascimento; e o comandante geral do Corpo de Bombeiros, Carlos Marcelo D’isep.  A coletiva foi realizada na Sesp.

Entender o que está por trás dos números é fundamental para estabelecer as estratégias que serão desenvolvidas pelas polícias Militar e Civil e, consequentemente, antecipar as ações e prevenir os crimes.

Este primeiro semestre de 2015 aponta que os principais indicadores de segurança pública apresentam redução em relação ao mesmo período do ano de 2014. Os crimes de homicídios, em especial, apresentam uma redução de 15,1% no período. Nos primeiros seis meses deste ano, foram registrados 738 assassinatos em todo o Estado; em 2014, foram 869 no mesmo período.

O secretário de Segurança Pública e Defesa Social, André Garcia, ressalta que o Estado ainda está longe dos níveis dos países civilizados, mas que este não é um resultado do acaso e sim de um trabalho de integração entre as polícias.

“A nossa meta, em curto prazo, é atingir a média nacional com 29 homicídios para um grupo de 100 mil habitantes. No ano de 2015 o Espírito Santo está com a média de 37 e em 2009 estivemos com a média de 58. Os dados estão caindo e já vamos para o 6º ano de redução consecutiva dos números de homicídios” conclui o secretário.

Publicamente, o secretário André Garcia já havia agradecido aos policiais capixabas o desempenho de todos pela queda no número de homicídios. Fez o agradecimento na solenidade de abertura da 7ª Ação Integrada/Dia do Soldado promovida pela Associação de Cabos e Soldados da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Espírito Santo (ACS/ES), na manhã de quarta-feira (01/07), na sede do Núcleo de Operações e Transporte Aéreo (NOTAer) da Secretaria da Casa Militar do Governo do Estado, que fica anexo ao Quartel Geral da PM, em Maruípe.

“Gostaria de agradecer a todos vocês por mais esse feito. O trabalho de vocês ajuda na redução da criminalidade no Estado. Pelo sexto ano consecutivo estamos reduzindo os índices de homicídio. Reconhecemos que a polícia ostensiva e preventiva, nas ruas da Grande Vitória e de todo o Estado, tem que ser uma referência e uma forte aliada das comunidades. O Estado tem a missão de criar condições para o cidadão escolher o melhor caminho. O Espírito Santo vem construindo essas condições. E o melhor caminho é a paz”, destacou André Garcia.

Homicídios Dolosos

- Redução de 15,1%: É a menor quantidade de registros nos últimos 19 anos

- A redução indica que a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social vai para o 6º ano de redução dos índices de homicídios. A redução começou no ano de 2009.

- No ano de 2014 foram registrados 1.529 homicídios, representando uma redução de 32% no período de 2009 a 2014.

Crimes Contra o Patrimônio

- Os principais incidentes de crimes contra o patrimônio também apresentam redução em relação ao ano de 2014.

- Principais incidentes: crimes de furtos e roubos a pessoa em via pública; em comércio; e a residência. Estes são considerados os principais, pois impactam diretamente na sensação de segurança da população.

- O programa Patrulha da Comunidade contribuiu fortemente na redução destes crimes. Na Região Metropolitana da Grande Vitória os quadrantes atendidos pelo programa apresentam redução na ordem de 10%.

- O que é o Patrulha da Comunidade: É a circulação das viaturas em bairros onde há grande concentração e circulação de pessoas,  com Policiais Militares capacitados para reconhecer as características da região em que atuam e estreitar os vínculos com moradores e lideranças comunitárias. O objetivo é prevenir os crimes contra a pessoa e contra o patrimônio, além de aumentar a sensação de segurança da população.

Apreensões de Drogas

-As apreensões de drogas também foram recordes neste primeiro semestre de 2015.

-Em uma única operação a Polícia Militar apreendeu mais de uma tonelada de maconha

-As operações ordinárias de abordagens realizadas diariamente pela PM resultam na apreensão de mais de 320 buchas de maconha, 250 papelotes de cocaína e mais de 350 pedras de crack. Diariamente nove carros, produtos de furtos  e roubos, são recuperados nos pontos de bloqueio.

HOMICÍDIOS:

Região Metropolitana da Grande Vitória
- Redução de homicídios no primeiro semestre foi de 24%

- Todos os municípios da Grande Vitória, com exceção do município de Viana com um registro acima que o mesmo período de 2014, apresentam redução.

- A Capital apresenta 50% de redução e o município da Serra 9%.

- A redução em Serra representa uma grande conquista,  visto que o município concentra 23% dos homicídios registrados no Estado. A quantidade de homicídios no município impacta diretamente no comportamento do Estado.

Região Sul
- Historicamente esta região concentra baixa quantidade de homicídios (8,7%) e em 2015 apresenta redução de 15% em relação ao ano de 2014.

Região Norte
- Esta região é o grande desafio a ser superado, pois concentra 35% dos homicídios do Estado e apresenta aumento de 5,7% no período analisado.

-Destaca-se que os homicídios na região norte estão em processo de desaceleração, em março o índice era de 24% de aumento.

Resolutividade de Inquéritos

- A resolutividade de inquéritos de homicídios no Estado é de aproximadamente 40%, muito acima da média nacional que gira em torno de 10%.

- A integração das forças policiais, Civil e Militar, no combate a criminalidade foram determinantes para a redução dos incidentes criminais.

(Com informações também da Assessoria de Comunicação da Sesp)

 

Blog do Elimar Côrtes Copyright © 2011 -- Template created by O Pregador -- Powered by Blogger