ELES NÃO VÃO DEIXAR O ‘ESTADO PRESENTE’ ACABAR: Coronéis do Alto Comando, delegados da cúpula da Polícia Civil e lideranças dos policiais civis e militares prestigiam lançamento do livro de Renato Casagrande

Oficiais e praças da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros, delegados de Polícias Federal e Civil, promotores de Justiça, lideranças comunitárias, políticas e estudantis, além de empresários e representantes da sociedade civil, participaram do lançamento do livro ‘Estado Presente – Em Defesa da Vida – Um Novo Modelo para a Segurança Pública’, ocorrido na noite de quarta-feira (11/11), no hotel Sheraton, na Praia do Canto, em Vitória.

O livro foi escrito pelo ex-governador Renato Casagrande (PSB), o delegado de Polícia Federal Álvaro Rogério Duboc Fajardo e o jornalista mineiro Paulinho Assunção. A obra foi editada pela Fundação João Mangabeira, presidida por Casagrande, uma das maiores lideranças nacionais do PSB.

Coronéis do Alto Comando da Polícia Militar prestigiaram o evento, como o ex-comandante-geral da PM, Edmilson dos Santos; o ex-subcomandante-geral da corporação e atual chefe da Diretoria de Relações Públicas, Antônio Augusto da Silva; e o ex-comandante do Policiamento Ostensivo do Norte, Rubens Ricardo Maciel Barcellos.

Também marcaram presenças coronéis da reserva, como o atual presidente da Associação dos Oficiais Militares Estaduais (Assomes), Marco Aurélio Capita, e o ex-comandante-geral da PMES, Oberacy Emerich Júnior. Oficiais do Corpo de Bombeiros também estiveram na festa, como o ex-comandante-geral da corporação, coronel BM Edmilton Ribeiro Aguiar Júnior. Muitos dos coronéis estavam usando farda de gala.

Lideranças das entidades representativas dos praças da PM e do Corpo de Bombeiros também fizeram questão de abraçar o ex-governador Renato Casagrande e de entrar na fila para conseguir autógrafo de um dos autores do livro. Em uma das filas estava o presidente da Associação dos Subtenentes e Sargentos, tenente Araújo.

Delegados que compõem a cúpula da Polícia Civil também prestigiaram o lançamento do livro, como Joel Lyrio Júnior, ex-chefe da instituição; e Guilherme Daré. Também estiveram no evento o delegado federal  Marcos Pungnal, além de agentes e peritos da Polícia Federal.

Dirigentes do Sindicato dos Servidores Policiais Civis do Estado do Espírito Santo (Sindipol) levaram seu abraço ao ex-governador Casagrande:

“O ex-governador Renato Casagrande deu um salto de qualidade à segurança pública no Espírito Santo. Ele valorizou os profissionais e investiu no setor. O Estado Presente é, sem dúvida, um dos mais importantes programas de segurança pública já implantado no País”, disse o presidente do Sindipol, Jorge Emílio Leal.

“Torcemos para que o atual governador, Paulo Hartung, mesmo que mude o nome do programa, mantenha os seus eixos principais, que é o de reprimir a violência com eficiência, investindo no policiamento ostensivo e na Polícia Judiciária, para que possa continuar melhorando as investigações e solucionando crimes; e, ao mesmo tempo, realizar investimentos nas áreas sociais”, completou o líder da maior entidade de classe dos policiais civis capixabas.

Outro diretor da entidade,  Aloísio Ernesto Duboc Fajardo, acrescentou que o livro ‘Estado Presente – Em Defesa da Vida – Um Novo Modelo para a Segurança Pública’ é uma obra que vai mostrar às futuras gerações como o trabalho de integração entre as policiais Civil e Militar e demais instituições do sistema de Segurança Pública e de Justiça ajudou, entre 2011 e 2014, o Estado a reduzir, sobretudo, os índices de crimes contra a vida:

“Esta integração não pode acabar. Precisa existir sempre, para que possamos continuar dando respostas positivas à sociedade”, disse Aloísio Fajardo.

O promotor de Justiça Paulo Panaro Figueira Filho foi ao evento como representante do procurador-geral de Justiça, Eder Pontes da Silva. No local havia também outros promotores de Justiça.

Os deputados Freitas e Bruno Lamas, o prefeito de Vitória, Luciano Rezende, e o secretário de Municipal de Segurança Urbana da capital, o coronel da reserva do Corpo de Bombeiros Fronzio Calheira Mota, marcaram presença no evento. Luciano Rezende fez até um breve discurso, em que ressaltou a importância do Programa Estado Presente na redução da criminalidade em Vitória:

“Graças ao Estado Presente, Vitória é hoje uma cidade mais feliz e tranquila para se viver”, garantiu o prefeito.

Ao final da solenidade, um grupo de jovens estudantes chegou ao local, tocando corneta e batendo palmas para o ex-governador Renato Casagrande. Os estudantes estavam se preparando para viajar a Brasília, onde participarão de um encontro estudantil.

Renato Casagrande comentou o lançamento do livro e agradeceu a presença das pessoas no evento: “Nós lançamos, pela Fundação João Mangabeira, o livro ‘Estado Presente - Em Defesa da Vida’, em que compartilhamos o êxito do programa de segurança pública que implantamos no Espírito Santo. Entre companheiros que trabalharam conosco, amigos e apoiadores, agradeço a confiança e a presença de todos”.

Em quatro anos, o Espírito Santo caiu de segundo para oitava  posição no ranking de estados mais violentos do país. “Combinamos proteção social e fortalecimento das polícias. O caminho da segurança pública do Estado ainda é longo. O programa precisa de continuidade e investimentos. Mas nós elevamos o patamar da segurança do Espírito Santo", frisou Casagrande.

Mais informações sobre o livro no link http://www.elimarcortes.com.br/2015/11/delegado-de-policia-federal-no-espirito.htmlhttp://www.elimarcortes.com.br/2015/11/delegado-de-policia-federal-no-espirito.html

 

Blog do Elimar Côrtes Copyright © 2011 -- Template created by O Pregador -- Powered by Blogger