Assembleia Legislativa entrega ‘Medalha Delegado Gilberto de Barros Faria’ a policiais civis e ao secretário da Segurança Pública

A Assembleia Legislativa do Estado do Espírito Santo (Ales) promoveu na última quinta-feira (25/02) sessão solene para entrega da Medalha Delegado José Gilberto Barros Faria, dedicada aos profissionais da Polícia Civil. A proposta da criação da ‘medalha’ é uma iniciativa que tem por objetivo valorizar os profissionais da segurança pública que se destacaram no exercício de suas funções, contribuindo para o engrandecimento dos profissionais que atuam na atividade fim da Polícia Judiciária.

A figura do delegado José Gilberto Barros Faria, que morreu em 2009, foi reverenciada pelos profissionais da área de segurança pública. Gilberto Barros Faria foi chefe de Polícia Civil. Na homenagem póstuma, foi enaltecido o caráter “probo” e a “retidão” de Gilberto Barros Faria, que ingressou na Polícia Civil em 1953, atuando por 41 anos na instituição. Ele foi o primeiro delegado a exercer o cargo de diretor-geral, no ano de 1974. Décadas depois, voltaria a exercer a função na gestão do então governador Albuíno Azeredo. Gilberto Barros Farias foi responsável pela construção da atual sede da Polícia Civil, na Reta da Penha, em Vitória.

A advogada Maria Júlia Faria Littig, filha de Gilberto Barros Faria, agradeceu pela homenagem e pela criação da medalha com o nome do pai. “É com muita emoção que recebemos essa honraria em reconhecimento ao trabalho de um homem que se dedicou à segurança pública no nosso Estado”, afirma a advogada.

Um dos homenageados da noite foi o delegado Júlio César Oliveira Silva, atual superintendente de Polícia Prisional (SPP). O delegado foi também chefe de Polícia Civil entre 2009 e janeiro de 2011. Júlio César Oliveira é delegado de Classe Especial e associado ao Sindicato dos Servidores Policiais Civis do Estado do Espírito Santo (Sindipol), desde 1995, e do Sindicato e da Associação dos Delegados de Polícia (Sindepes e Adepol, respectivamente.

Orgulhoso com a homenagem a ele e aos demais colegas, o delegado Júlio César Oliveira considerou a iniciativa de extrema importância.

“Sem dúvida alguma, é um evento de grande importância para a Polícia Civil do Espírito Santo, pela valorização dos policiais. É também uma homenagem justa e merecida à obra realizada pelo grande delegado José Gilberto Barros Faria em sua incessante missão de defesa da sociedade”, afirmou Júlio César Oliveira, ao lado do também delegado Celso Felipe Ferrari, chefe da Delegacia Antissequestro e que foi homenageado.

"Também fico muito feliz em receber a medalha. Trabalhei com o doutor Gilberto (Barros Faria), que foi um homem honrado, sábio e sempre respeitou seus subordinados", afirmou disse Celso Ferrari.

Entre diversos policiais civis homenageados, também foi agraciada a chefe de Polícia Civil, delegada Gracimeri Soeiros Gaviorno, pelos relevantes serviços prestados à sociedade capixaba. Também receberam homenagem o secretário de Estado da Segurança Pública e Defesa Social, André Garcia; o  delegado aposentado Sérgio do Nascimento Lucas, diretor do Sindicato dos Delegados de Polícia do Espírito Santo (Sindepes); e o presidente da entidade, Rodolfo Laterza.

O presidente do Sindipol, Jorge Emílio Leal, salientou que a entidade apoia e incentiva toda iniciativa que tenha por finalidade a valorização, o reconhecimento e enaltecimento dos profissionais de Polícia Civil em toda a sua extensão: “A nossa diretoria do parabeniza a todos os policiais civis homenageados com a ‘Medalha’ e estende as suas homenagens e o respeito a todos os policiais civis pela dedicação e comprometimento, objetivando sempre alcançar uma polícia civil mais eficaz e cidadã”.

O delegado aposentado Adão Rosa, que hoje é advogado criminalista e já foi chefe de Polícia Civil e secretário de Estado da Segurança Pública, representou os homenageados. Em discurso na tribuna, disse que a iniciativa da sessão solene foi uma “extraordinária” oportunidade de prestar o reconhecimento ao trabalho de um profissional que deixou “grande legado” na área da segurança pública.

“O delegado José Gilberto Barros Faria desde os anos 50 até a sua aposentadoria prestou um relevante serviço à sociedade capixaba”, destacou Adão Rosa.

A sessão solene contou com as presenças do secretário de Estado da Segurança Pública, André Garcia, e da chefe da Polícia Civil, Gracimeri Gaviorno, que também fizeram pronunciamento para destacar o legado de José Gilberto.

Os homenageados


1. Adão Rosa  - ex-chefe da Polícia Civil e ex-secretário de Segurança Pública;

2. Alcy Cajueiro – exerceu o cargo de Chefe de Investigações;

3. Aldano Lemos do Nascimento  - delegado aposentado;

4. Almerinda Capelli Sauer – exerceu o cargo de delegada-chefe;

5. André Garcia - secretário de Estado de Segurança;

6. Carlos Léo – coordenador da Perícia Criminal;

7. Celso Felipe Ferrari – delegado da Delegacia Antissequestro;

8. Edinaldo Loureiro Ferraz  - delegado aposentado de Polícia e ex-secretário de Estado da Justiça;

9. Fabrício Araújo Dutra – delegado de Polícia e integrante da Força Nacional de Segurança Pública;

10. Gracimeri Gaviorno -  delegada-chefe da Polícia Civil;

11. Hermes Ferreira da Silva – policial aposentado;

12. Igleide Subtil Faria – viúva de José Gilberto  Barros Faria;

13. João de Deus Bandeira – investigador aposentado;

14. João Manuel Rodrigues Lima  - delegado de polícia aposentado;

15. José Barreto de Mendonça – delegado de polícia aposentado;

16. Josemar Antônio Sperandio – superintendente de Polícia Especial;

17. Júlio César Oliveira Silva – foi delegado-chefe da Polícia Civil;

18. Karla Lucas – chefe do Departamento de Identificação;

19. Lauro Coimbra – delegado de polícia;

20. Marcelo Nolasco – delegado de polícia;

21. Mário Lopes – delegado de polícia;

22. Natanael Cardoso – delegado aposentado;

23. Neuza Glória dos Santos – delegada de polícia;

24. Olivia Rodrigues Barbosa – delegada aposentada;

25. Patrick Serrano de Almeida – investigador de polícia;

26. Pedro José Nunes – escrivão aposentado;

27. Pedro Moacir M. do Nascimento – delegado de polícia;

28. Rodolfo Queiroz Laterza – delegado de polícia;

29. Sérgio Lucas – delegado de polícia;

30. Tadeu Nicoletti – perito papiloscópico.

 

Blog do Elimar Côrtes Copyright © 2011 -- Template created by O Pregador -- Powered by Blogger