PAÍS FICA EM ALERTA PARA POSSÍVEIS AMEAÇAS DE TERRORISTAS DURANTE AS OLIMPÍADAS DO RIO: Forças de segurança do Brasil vão receber curso antiterror

O Blog do Elimar Côrtes tem abordado, ao longo dos últimos meses, a omissão do Estado brasileiro em relação a uma política de combate e prevenção a ações de grupos terroristas. O Brasil sequer tem leis que punam o terrorismo. No entanto, a Polícia Federal, a Agência Brasileira de Inteligência, a Secretaria Extraordinária para a Segurança de Grandes Eventos e o Ministério da Defesa decidiram iniciar esforço conjunto com objetivo de alertar forças de segurança e representantes da sociedade sobre possíveis ameaças relacionadas a ações terroristas durante os Jogos Olímpicos e Paraolímpicos, a partir de junho deste ano no Rio.

A informação é da Assessoria de Comunicação do Departamento Geral da Polícia Federal, em mensagem enviada a este blog e a outros veículos de comunicação. Segundo a PF, as
atividades compreenderão ciclos de palestras que abordarão noções do terrorismo contemporâneo, estrutura brasileira de enfrentamento a eventuais ameaças, procedimentos de prevenção adotados internacionalmente e protocolos a serem seguidos pelos órgãos de segurança.

O comunicado da Polícia Federal destaca que a  meta é fazer com que as pessoas envolvidas estejam mais atentas e aptas a detectar e a informar situações incomuns e atitudes suspeitas, multiplicando a capacidade de reação dos órgãos de segurança.

“Além de capacitar agentes de segurança pública, a iniciativa denominada de ‘Estágio de Percepção de Ameaças Terroristas’ – EPAT –  permitirá orientar profissionais que exerçam atividades diretamente envolvidas no evento esportivo, como trabalhadores de redes hoteleiras, funcionários de empresas de ônibus e metrô, guardas municipais, integrantes da administração de pontos turísticos, motoristas de táxis e voluntários do Comitê Organizador Rio 2016”, explica a Polícia Federal.

As palestras serão ministradas por militares das Forças Armadas, oficiais de Inteligência e policiais federais que, no futuro, participarão do Comitê Integrado de Enfrentamento ao Terrorismo (CIET), estrutura que reunirá toda capacidade de reação do País às ameaças terroristas durante os Jogos Olímpicos.

O EPAT é resultado do esforço de integração interagências para enfretamento ao terror. As atividades de sensibilização serão iniciadas em São Paulo e serão estendidas a todas as cidades-sede do futebol e ao Rio de Janeiro.


 

Blog do Elimar Côrtes Copyright © 2011 -- Template created by O Pregador -- Powered by Blogger