Agente federal é assassinado a tiros por assaltantes na Bahia

O agente federal Wilson Teixeira de Queiroz Netto foi morto a tiros durante assalto ocorrido na Rodoviária de Juazeiro, Norte da Bahia, na noite de segunda-feira (29/02). De acordo com a Federação Nacional dos Policiais Federais (Fenapef), por volta das 21h30, o agente Wilson foi juntamente com a esposa levar a sua mãe na rodoviária da cidade quando foi abordado por três homens que anunciaram o assalto. Wilson reagiu e acabou sendo baleado com quatro tiros, sendo três no tórax e um na perna. Ele morreu na hora.
Os bandidos levaram sua arma e o veículo, o Fiat Strada vermelho, placa OZM 5911, que foi encontrado incinerado na manhã desta terça-feira (01/03), entre as cidades de Filadélfia e Ponto Novo, interior da Bahia. As investigações estão sendo conduzidas pela 17ª Coordenadoria da Polícia no Interior (Juazeiro) e pela Polícia Federal, que já levantou que os criminosos integram uma quadrilha especializada em roubo de carros.

Wilson Teixeira tinha 42 anos, natural de Pilão Arcado/BA, era casado e deixou um filho de 9 anos. Formado em Direito, exercia a profissão de agente federal com muita bravura e competência, segundo a Fenapef.

Ele ingressou na Polícia Federal em 2002 assumindo suas atividades na Delegacia de Polícia Federal de Juazeiro/BA, tendo ainda atuado em Altamira (Pará) e Salvador, onde trabalhou na Coordenação de Inteligência da Superintendência de Inteligência da SSP/BA. Desde 2015 foi transferido para Juazeiro, para ficar mais próximo de seus familiares.

Wilson era um policial completo. Atuava na área de inteligência policial e tinha um perfil operacional, realizou curso de operações especiais na unidade de elite da Polícia Civil da Bahia e curso de selva no CIAPA/DPF. Segundo os colegas mais próximos, ele era um grande policial e amigo, atuava na linha de frente, coordenava os serviços da equipe, sendo ainda muito prestativo, um parceiro que ajudava e ensinava a todos.

O corpo do APF Wilson seguirá ainda hoje (01/03) para a cidade de Pilão Arcado/BA, onde ocorrerá o sepultamento. A Diretoria da Fenapef e todos os policiais federais se despedem de um grande herói, em oração de despedida e de agradecimento.

Em nota enviada ao Blog do Elimar Côrtes, a Direção Geral da Polícia Federal lamentou a morte do policial Wilson Teixeira de Queiroz Netto. “A Direção Geral se solidariza com familiares, amigos e colegas de trabalho, lamentando profundamente o triste episódio que encerrou a carreira promissora do policial. Fica estipulado luto na instituição pelo prazo de três dias”, informa a nota da Polícia Federal.




 

Blog do Elimar Côrtes Copyright © 2011 -- Template created by O Pregador -- Powered by Blogger