DELEGADO MÁRCIO LUCAS FOI O PRIMEIRO LUGAR GERAL: Polícia Civil do Espírito Santo fica com as quatro primeiras colocações no 9º Curso de Instrução de Nivelamento e Conhecimento da Força Nacional de Segurança

Os 14 policiais civis do Espírito Santo foram os principais destaque do 9º Curso de Instrução de Nivelamento e Conhecimento da Força Nacional de Segurança (INC) do Ministério da Justiça, realizado na Academia Nacional da Polícia Federal, durante todo o mês de março deste ano, em Brasília. Eles conquistaram as primeiras quatro colocações do curso. Em primeiro lugar ficou o delegado de Polícia Civil Márcio Lucas Malheiros de Oliveira. Os policiais civis capixabas foram avaliados como os mais aguerridos do curso.

O curso começou no dia 3 de março e se encerrou no dia 31.  Ao final do curso, o delegado Márcio Lucas recebeu o certificado de primeiro colocado, assinado pelo coordenador de Treinamento e Capacitação do Departamento da Força Nacional de Segurança Pública, Alkimar Sampaio de Souza. A cerimônia contou com a presença do ministro da Justiça, Osmar Serraglio.

O segundo e o quarto colocados do curso são dois agentes de Polícia do Grupo de Operações Táticas (GOT) da Polícia Civil. A terceira colocada é a escrivã Karla, da Divisão de Repressão aos Crimes contra o Patrimônio (DRCCP).

A 9º edição do Curso de Instrução de Nivelamento e Conhecimento da Força Nacional (INC) contou com 78 policiais civis e com a participação de policiais civis de Alagoas, Amazonas, Amapá, Distrito Federal, Goiás, Maranhão, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Pernambuco, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Roraima, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, São Paulo e Tocantins, além do Espírito Santo.

O curso teve carga horária de 132 horas/aula e incluiu as disciplinas: Fundamentação e Normas do Departamento da Força Nacional de Segurança Pública (DFNSP), Operações da Força Nacional, Tecnologias e Sistemas Informatizados de Gestão do DFNSP, Direitos Humanos, Palestra Violência, Crime e Sociedade, Enfrentamento a Violência Doméstica, Palestra - Panorama Nacional dos Crimes de Homicídios, Instrumentos e Técnicas de Menor Potencial Ofensivo (ITMPO), Instrução Tática Individual (ITI), Uso Diferenciado da Força, Armamento e Tiro Policial, Medidas Preliminares em Local de Crise, Atendimento Pré-Hospitalar Básico, Georreferenciamento como Ferramenta na Prática Policial, Direção Veicular, Fluxo de Investigação, Palestra: Técnicas de Isolamento e Preservação de Local de Crime, Coleta e Valorização da Prova, Palestra - Noções das Atividades de F1 e F4, Palestra – Organizações Criminosas, Técnicas de Imobilização e Utilização de Algemas, Oficina de Vivenciamento, Inteligência Policial, Investigação Criminal, Investigação de Homicídios, Relatórios e Recognição Visuográfica, Técnicas de Entrevista e Interrogatório, Técnicas de Abordagem, Técnicas de Busca e Apreensão, Noções de Práticas Cartorárias e Segurança Policial.

“O curso serviu para avaliar o desempenho intelectual e físico dos policiais civis. Fomos submetidos a provas e a testes físicos e teóricos. Foi muito puxado o curso. As aulas começavam às 7h30 e se encerravam somente à noite. Às vezes, mal tínhamos tempo para almoçar. Mas foi muito proveitoso, pois provou que a Polícia Civil capixaba conta com profissionais capacitados  e aptos para integrar também a Força Nacional de Segurança Pública, em caso de necessidade”, ressaltou o delegado Márcio Lucas.

Ele fez questão de frisar que chegou em primeiro lugar no curso junto com o agente de Polícia Cleudes, do GOT, mas ficou com o título de primeira colocação devido aos critérios de desempate. “Todo o grupo do Espírito Santo foi elogiado e teve  participação destacada no 9º Curso de Instrução de Nivelamento e Conhecimento da Força Nacional”, pontuou Márcio Lucas, que é delegado-adjunto da Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes da Polícia Civil.


 

Blog do Elimar Côrtes Copyright © 2011 -- Template created by O Pregador -- Powered by Blogger