sexta-feira, 20 de abril de 2018

Delegados federais de 11 Estados se preparam para disputar eleições em outubro

A Associação Nacional dos Delegados de Polícia Federal (ADPF) reuniu na quarta-feira (18/04) na sede da instituição, em Brasília, delegados de diversos Estados brasileiros que pretendem participar das eleições, em outubro. Eles vão concorrer aos cargos de deputado estadual, federal e senador. Até o momento, já são 11 pré-candidatos representantes do Amapá, Amazonas, Distrito Federa, Mato Grosso, Minas Gerais, Pará, Rio de Janeiro e Paraná.

Preocupado em oferecer à sociedade nomes de candidatos atentos ao combate à corrupção e comprometidos com propostas legislativas que atendam aos anseios da população, o presidente da ADPF, Edvandir Felix de Paiva, organizou o encontro dos delegados com especialistas em direito eleitoral e mídia.

Paiva frisou que o Brasil precisa de representantes no Congresso que lutem pela aprovação de leis para fortalecer o combate à corrupção e ao crime organizado e garantir mais segurança para os cidadãos. “O atual cenário político está marcado por crimes de corrupção e a sociedade almeja candidatos que ajudem a mudar a realidade do país”, acrescentou.

O vice-presidente da ADPF, delegado federal Luciano Leiro, ponderou que as candidaturas estão relacionadas à intenção de defender pautas de todo o povo brasileiro. Segundo ele, até mesmo as pautas que possam ser consideradas classistas, são na verdade projetos que vão beneficiar toda a sociedade.

Luciano Leiro explicou que, como vice-presidente da ADPF e diretor da Regional de Brasília há seis anos, tem um compromisso muito grande com a categoria. Mas que não vê essas questões como de interesse apenas da carreira dos policiais federais:

“Quando a gente pensa na defesa de prerrogativas, autonomia, orçamento e concurso público, nós não estamos falando de algo que vai beneficiar o delegado de Polícia Federal, mas sim a corporação num todo e, por consequência, toda a sociedade que quer uma PF forte”, afirmou.

Também convidado para o evento, o delegado Fernando Fernando Francischini (PSL/PR), que há oito anos é deputado federal, trocou experiências sobre o dia a dia no Congresso Nacional, a discussão e tramitação das pautas, os anos de mandato que já cumpriu e a forma como suas duas campanhas foram construídas.

Segundo Francischini, nessas eleições a população anseia por mais candidatos que defendam o País, devido aos problemas de corrupção enfrentados. O deputado disse que com o apoio da ADPF e um bom planejamento de atuação parlamentar os delegados terão mais chances.

Além de Francischini, também palestraram o ex-ministro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Carlos Eduardo Caputo Bastos, que tirou dúvidas sobre jurisprudência, mudanças e aplicação da legislação eleitoral; o jornalista e consultor de imagem Gustavo Krieger, especialista na análise e cobertura política; e o jornalista Leandro Fortes, estrategista de mídias digitais.

Os delegados que participaram da reunião foram Marcelo Machado Dias, Wesley Sirlam Lima de Aguiar, Valquíria Souza Teixeira de Andrade, Pablo Oliva Souza, Luciano Leiro, Vagner de Moraes Alamino, Marcelo Eduardo Freitas, Everaldo Jorge Martins Eguchi, Antônio Carlos Cunha Sá e Marcelo Bertolucci.

(Com informações e fotos do Portal da ADPF)

 

Blog do Elimar Côrtes Copyright © 2011 -- Template created by O Pregador -- Powered by Blogger