quarta-feira, 9 de maio de 2018

Ex-vereador de Mimoso do Sul acusado de mandar matar empresário será julgado nesta quinta-feira em Vila Velha

Quase 10 anos depois do crime, a Justiça vai julgar o empresário e ex-vereador José Jardel Astolpho no processo em que ele é acusado de ser um dos mandantes do assassinato de seu sócio, o empresário Sebastião Carlos de Oliveira Filho. O julgamento será realizado nesta quinta-feira (10/05) pelo Tribunal Popular do Júri de Vila Velha, localizado no Fórum do Bairro Boa Vista, a partir das 9 horas.
O assassinato ocorreu no dia 16 de julho de 2008, no centro de Mimoso do Sul. O júri a que José Jardel será submetido foi desaforado para a Grande Vitória a pedido da família da vítima e do Ministério Público do Estado do Espírito Santo porque o réu é  pessoa influente em Mimoso do Sul e poderia pressionar os jurados.

José Jardel Astolpho foi denunciado como mandante junto com um de seus ex-empregados Roney Ferreira, que hoje é sócio de Jardel em um posto de gasolina de Mimosos do Sul. Roney, no entanto, recorreu ao Superior Tribunal de Justiça (STJ) para não ser julgado. O recurso ainda está sendo analisado.

O julgamento de José Jardel deveria ter ocorrido em 13 de novembro de 2017 no mesmo Fórum de Vila Velha (Boa Vista). No entanto, teve de ser adiado porque uma testemunha não pôde comparecer porque tinha acabado de se submeter a uma cirurgia – enviou, inclusive, atestado médico.

 

Blog do Elimar Côrtes Copyright © 2011 -- Template created by O Pregador -- Powered by Blogger