segunda-feira, 11 de março de 2019

Sindicato dos Delegados passa a integrar Comissão de Concurso da Polícia Civil e Adepol desiste de promover Curso Preparatório para candidatos

O Sindicato dos Delegados de Polícia Civil (Sindepes), Ministério Público Estadual e Ordem dos Advogados do Brasil passaram a fazer parte da Comissão de Concurso da Polícia Civil do Estado do Espírito Santo. O convite para as três entidades integrarem a comissão foi feita pelo diretor-geral da Polícia, delegado José Darcy Arruda, por meio de instrução normativa instituindo Comissão de Monitoramento e Avaliação da Legalidade externa do Concurso Público em andamento para provimento do cargo de Delegado de Polícia.

Diante do convite, foi indicada como representante do Sindepes a delegada Ana Cecília de Almeida Mangaravite, atual diretora de Assuntos Classistas. Ana Cecília Mangaravite, aliás, é candidata a Presidência do Sindicato, em eleições previstas para o dia 8 de maio deste ano. Apenas chapa dela se inscreveu para o pleito.

A Associação dos Delegados de Polícia Civil do Estado do Espírito Santo (Adepol) chegou a anunciar, em redes sociais, a abertura de um curso preparatório para o concurso na PC capixaba. A intenção era preparar candidatos que se inscreveram para os cargos de Investigadores e Escrivães. O curso duraria quatro meses, custaria R$ 167,00 e começaria em 26 de março de 2019. Mas a direção da Adepol acabou desistindo de promover o curso.

O presidente do Sindicato dos Servidores Policiais Civis do Estado do Espírito Santo (Sindipol), Jorge Emílio Leal, informou nesta segunda-feira (11/03) que encaminhará ofício ao diretor-geral da Polícia Civil, delegado Darcy Arruda, pleiteando uma vaga na Comissão de Monitoramento e Avaliação da Legalidade Externa do Concurso Público.




 

Blog do Elimar Côrtes Copyright © 2011 -- Template created by O Pregador -- Powered by Blogger